Quarta, 27 de Outubro de 2021
65 99680-8810
Justiça Juíza decreta

POLÍCIAJuíza decreta prisão preventiva de motorista que matou mulher de 18 anos após assediá-la e discutir com namorado dela

A Justiça decretou a prisão preventiva do homem que matou Vanessa Machowski, 18 anos, em Itajaí, no Litoral Norte catarinense, na tarde de segunda-feira (11).

13/10/2021 16h13 Atualizada há 2 semanas
Por: Redação Fonte: Redação Clarissa Battistella e Patrícia Silveira, g1 SC e NSC TV
 Reprodução/Redes sociais
Reprodução/Redes sociais

A vítima foi atropelada na noite de domingo (10), minutos depois de sofrer assédio verbal do motorista, segundo a Polícia Militar. O suspeito, de 35 anos, foi preso em flagrante por homicídio qualificado e embriaguez ao volante.

O sepultamento da vítima ocorre na manhã desta terça-feira (12), no Cemitério da Fazenda, em Itajaí, segundo o namorado da vítima, Thiago Linhares da Veiga. Ele, porém, não quis se manifestar publicamente sobre a morte da companheira.

A jovem morreu atropelada por um homem que havia a assediado verbalmente minutos antes. O suspeito, segundo a Polícia Militar, jogou o carro contra a jovem em alta velocidade. O crime aconteceu na noite de domingo (10) e na tarde desta segunda-feira (11), o homem já estava no presídio.Segundo a decisão da juíza Anuska Felski da Silva, da 1ª Vara Criminal de Itajaí, há indícios suficientes de autoria e prova de materialidade nos autos para a conversão da pena preventiva.

“Considerando o contexto social de violência em relação às mulheres, demonstra que medidas cautelares alternativas são insuficientes para evitar que o réu venha novamente dirigir embriagado, insultar mulheres supostamente desconhecidas na rua e agir de modo a ceifar-lhes a vida, o que, sem dúvida, gera intranquilidade no seio social, e reclama a medida extrema”, escreveu a juíza.

Vanessa Machowski tinha 18 anos — Foto: Reprodução/Redes sociais
Vanessa Machowski tinha 18 anos — Foto: Reprodução/Redes sociais

‘Tinha o sonho de abrir o próprio salão’

Segundo a tia da jovem Léia Oliveira, a garota tinha o sonho de abrir o próprio salão na área de estética. Sobre Vanessa, a familiar só tem elogios.

“Sempre muito querida com todos, carinhosa. Ela era extrovertida, sempre fazendo brincadeiras”, relatou.

“Ela era uma menina que não via maldade nas pessoas. Tanto que ela viu o homicida vindo em direção do caminhão que eles [a jovem e o namorado] estavam, mas nunca imaginou que seria ela própria a vítima”, disse a tia.

A jovem tinha tinha terminado o ensino médio no fim do ano passado. “Pretendia fazer faculdade de estética, gostava muito da área da beleza”, declarou a tia.

No momento, estava trabalhando como babá de duas crianças. Vanessa nasceu em Rio Azul, no Paraná, morava em Itajaí há 11 anos e namorava há cerca de três, conforme a tia. O corpo dela será sepultado em Itajaí na manhã de terça (12).

Vanessa Machowski — Foto: Reprodução/Redes sociais
Vanessa Machowski — Foto: Reprodução/Redes sociais

O crime

Vanessa estava com o namorado, de 21 anos, no bairro Cordeiros por volta das 21h20. Ele disse à Polícia Militar que ambos conversavam, ele dentro da cabine de um caminhão estacionado e ela do lado de fora, quando uma caminhonete Tucson parou ao lado da jovem. O motorista de 35 anos a assediou verbalmente.

O namorado, então, desceu do caminhão para ver o que estava ocorrendo. O motorista da Tucson também saiu do carro. Segundo o namorado da vítima, ele estava com fortes sinais de embriaguez.

Houve uma discussão e o motorista da Tucson voltou para o veículo e saiu do local. Depois de cerca de 5 minutos, porém, ele voltou e jogou o carro em cima da jovem. Ela foi esmagada contra o caminhão e o autor do atropelamento fugiu em alta velocidade.

A jovem recebeu os primeiros socorros no local e depois foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Cordeiros pelo Corpo de Bombeiros Militar, mas não resistiu.

Os socorristas encontraram a vítima inconsciente. Conforme os bombeiros, ela teve politraumatismo e suspeita de hemorragia interna.

Buscas por motorista

A Polícia Militar foi chamada e fez buscas. Os agentes encontraram o motorista da Tucson deitado na rua com alguns cortes no rosto. O carro foi encontrado em uma via em frente à casa dele.

Carro Tucson, usada por homem que foi preso em flagrante em Itajaí — Foto: Polícia Militar/Divulgação
Carro Tucson, usada por homem que foi preso em flagrante em Itajaí — Foto: Polícia Militar/Divulgação

O veículo estava amassado, indicando que houve a batida. Segundo a PM, o motorista confirmou que jogou o carro na direção da jovem. Como ele estava ferido, ele foi levado para a UPA do bairro Cordeiros. O carro Tucson foi guinchado.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Lucas do Rio Verde - MT
Atualizado às 23h15 - Fonte: Climatempo
28°
Pancada de chuva

Mín. 24° Máx. 34°

30° Sensação
8.4 km/h Vento
65.9% Umidade do ar
67% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (28/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 35°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sexta (29/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 36°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Anúncio